terça-feira, agosto 28, 2007

Estou aqui...

Estou aqui sentada... Esperando por sua resposta que não veio.
Estou aqui sentada... Esperando “o dia mais importante chegar”.
Estou aqui sentada... Derramando toda a minha dor
sobre a minha vontade de não sentir dor.
Estou aqui sentada... Pegando cada pedacinho de palavra jogada
no chão do asfalto e colando seus destroços no meu mural preferido.
Estou aqui sentada... Observando a vida se arrastar e me arrastar para longe de mim.
Estou aqui, calmamente, sentada... Assistindo tudo cair ao meu redor, assistindo tudo desmoronar calmamente, lentamente, pacientemente.

Estou agora desacordada, confabulando um plano perfeito para te achar!
Estou agora deitada, acreditando em todos os milagres, pelos quais, me fizeste rezar.
Estou aqui anestesiada, diante da mais sólida lembrança da história da minha vida.

"Assisto a chuva como quem assiste a missa. Hesitando entre o milagre e o profano. Entre as respostas e a busca, entre a tua chegada e a minha partida".


Estou simplesmente extasiada com a capacidade de penetrar em vários mundos... Lindos mundos, sombrios mundos, tantos mundos! Só para me achar... Só para esquecer de mim mesma... Só para lembrar do teu olhar...
Estou aqui, falling on the floor como a errante mais crédula coroada pelas pétalas que feriram meu coração com os espinhos da tua rosa.

Um comentário:

Helenadetroia disse...

Espero que vc sempre guarde esses escritos... um dia vc irá precisar deles para escrever o seu livro. Suas palavras estão se tornando um monumento... e vc, uma escritora